Manifestantes fecham BR-319 e impedem acesso à ponte do Rio Madeira

Um grupo de pais de alunos fechou, na manhã desta terça-feira (7), o acesso à ponte do Rio Madeira em Porto Velho. O protesto está sendo feito na BR-319.

Segundo informações iniciais da Polícia Rodoviária Federal (PRF), o bloqueio dos moradores é feito na cabeceira da ponte, próximo da Vila Dnit. Um congestionamento de veículos começou a se formar na rodovia, que liga Porto Velho à cidade de Humaitá (AM).

O fechamento da rodovia é organizado por pais de alunos da zona rural de Porto Velho, que afirmam estar sem ônibus para o transporte escolar dos estudantes.

Na semana passada, o grupo também fechou a BR-319 para cobrar da prefeitura o retorno do transporte escolar rural e a manutenção das estradas vicinais.

A PRF está acompanhando o manifesto. A prefeitura de Porto Velho ainda não se manifestou sobre o protesto da BR-319.

3° protesto em menos de 30 dias

Este já é o terceiro manifesto de pais de alunos contra a administração municipal. No dia 29 de abril, o grupo fechou a BR-319 no cruzamento com a avenida Farquar.

Já no dia 9 de abril os moradores dos distritos da Ponta do Abunã, também em Porto Velho, fecharam um trecho da BR-364 próximo a Extrema, no Km 1042.

Drama

Desde o ano passado que alunos da rede pública municipal sofrem com a falta de competência da prefeitura em resolver o problema do transporte escolar. Alunos tiveram o ano letivo comprometido e a prefeitura ainda não arrumou uma solução.

Com G1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *