Connect with us

Legislativo RO

Jair Montes libera emenda para que Polícia Civil não precise de dinheiro da Energisa

Publicada

em

Instituição havia feito um convênio com a empresa no valor de R$ 704 mil por ano

“A partir de hoje a polícia civil não precisa mais da esmola de 704 mil da ENERGISA para constranger nossa população. Vamos suspender esse termo de cooperação entre a polícia civil e a Energisa, e enquanto eu for deputado, irei destinar 1 milhão de reais por ano para que a polícia civil não seja penalizada”.

Essa foi a justificativa que o deputado estadual Jair Montes apresentou para liberar emendas anuais no valor de R$ 1 milhão para que a Polícia Civil não tenha que depender de recursos da Energisa, empresa que detém a distribuição de energia elétrica em Rondônia. De acordo com o deputado, “quem cometer crime de roubo de energia que pague pelo seus atos e responda na justiça, mas, não podemos permitir que o governo seja um braço auxiliar da concessionária de energia elétrica constrangendo nossa população”.

Jair Montes é o relator da CPI que investiga a atuação da empresa, que vem sendo duramente criticada pela sociedade devido aos altos valores cobrados nas contas de energia elétrica e a forma truculenta como vem agindo em Rondônia. Durante sessão da CPI, Montes afirmou “ter sido multado em mais de R$ 30 mil” tão logo foi nomeado relator da comissão. Ele acredita ter sido uma retaliação aos trabalhos do legislativo.

Continue lendo
Anúncios
Comentários