Coluna Painel Político

[Coluna] – MP define lista tríplice e primeiro colocado é o atual chefe de gabinete do PGJ

Eleição aconteceu nesta sexta-feira foram eleitos Aluildo de Oliveira, aLEXANDRE Jésus e Paulo Lermen; Marcos Rocha deve manter tradição

A gansa dos ovos de ouro

Um homem e sua mulher tinham a sorte de possuir uma gansa que todo dia punha um ovo de ouro. Mesmo com toda essa sorte, eles acharam que estavam enriquecendo muito devagar, que assim não dava. Imaginando que a gansa devia ser de ouro por dentro, resolveram matá-la e pegar aquela fortuna toda de uma vez. Só que, quando abriram a barriga da gansa, viram que por dentro ela era igualzinha a todas as outras. Foi assim que os dois não ficaram ricos de uma vez só, como tinham imaginado, nem puderam continuar recebendo o ovo de ouro que todos os dias aumentava um pouquinho sua fortuna. Essa metáfora é apenas para ilustrar a relação governo brasileiro/empresas.

Falando em empresas

Nesta sexta-feira as empresas que estão sendo investigadas pela Receita Federal na Operação Dracma emitiram notas, individuais, falando sobre o episódio. Todas negaram qualquer envolvimento com atividades ilícitas e afirmaram que estão colaborando com as autoridades.

Isolados

Quem pretende viajar ao Amazonas neste fim de semana passando por Humaitá pode ficar por aqui mesmo. A balsa que faz a travessia na BR 230, no trecho entre Humaitá e Apuí vai estar fechada e a previsão de retorno das atividades é na segunda-feira, 18. Uma força tarefa pretende recuperar duas pontes.

Massacre

E a sexta-feira foi dramática com as imagens bizarras feitas por um australiano pirado que invadiu uma  mesquita na Nova Zelândia e massacrou 49 pessoas à tiros de fuzis semi-automáticos. Tudo foi transmitido via Facebook.  Durante todo o dia, além do Facebook, Youtube e Twitter trabalharam para tentar tirar as imagens do ar, mas é uma tarefa inútil, a cada vídeo apagado, surgem pelo menos mais dez cópias, isso contar o Whatsapp. A massificação das comunicações geraram um monstro incontrolável. E a falta de bom senso predominante no mundo, converge para piorar ainda mais essa situação.

Reação

Devido ao massacre, a Nova Zelândia deve rever sua política de armas. Por lá, era permitido até hoje a compra de semiautomáticas por qualquer pessoa. Agora muita coisa deverá ser revista. Enquanto isso, seguimos nossa retórica no sentido contrário. E sim, armas são feitas para matar pessoas. Carros e liquidificadores não. Se alguém morre disso, chama-se acidente.

Lista tríplice

Foi definida nesta sexta-feira, 15 de março, a lista tríplice que será enviada ao governador do Estado para escolha do Procurador-Geral de Justiça do Ministério Público do Estado de Rondônia para o biênio 2019/2021. Em primeiro lugar, ficou o Promotor de Justiça Aluildo Oliveira Leite, com 81 votos; em segundo lugar, o Promotor de Justiça Alexandre Jésus de Queiroz Santiago, com 63 votos: em terceiro lugar, o Promotor de Justiça Paulo Fernando Lermen, com 15 votos. Dos 139 Membros aptos a votar, todos votaram. Houve apenas dois votos brancos.

Normalmente

O governador acata a ordem e nomeia o mais votado. Até onde se sabe, Rocha não pretende quebrar essa tradição. O primeiro colocado é chefe de gabinete do atual Procurador Geral, então o ritmo do Ministério Público deve ser mantido. Aluildo de Oliveira Leite ingressou na carreira como Promotor de Justiça substituto. Atuou nas Promotorias de Justiça de Costa Marques, Alvorada do Oeste, Guajará-Mirim, Ariquemes e Ouro Preto do Oeste. Ocupou os cargos de Diretor do Centro de Apoio Operacional do Meio Ambiente; chefe de Gabinete da Corregedoria-Geral do MP; diretor do Centro de Atividades Judiciais (CAEJ) e atualmente é chefe de Gabinete da Procuradoria-Geral de Justiça. Alexandre Jésus de Queiroz Santiago ingressou na carreira como Promotor de Justiça Substituto. Atuou nas Comarcas de Guajará-Mirim e Cacoal. Ocupou os cargos de Diretor do Centro de Apoio Operacional Criminal; Coordenador Estadual de Combate aos Crimes Cibernéticos; Coordenador de Planejamento e Gestão e integrou o Grupo de Combate às Organizações Criminosas (Gecoc). Já Paulo Fernando Lermen ingressou na carreira como Promotor de Justiça Substituto no dia 6 de janeiro de 1986. Atua desde então na Promotoria de Justiça de Vilhena, onde foi por diversas vezes coordenador da Comarca.

Dieta low-carb pode aumentar o risco de fibrilação atrial

Uma nova análise do estudo ARIC sugere que o consumo reduzido de carboidratos parece predizer o risco de fibrilação atrial (FA) no futuro, de forma independente dos fatores de risco tradicionais para FA e de outros fatores dietéticos. “Nosso estudo mostrou que dietas com baixo teor de carboidratos estão associadas a um risco aumentado de FA incidente em um grande estudo prospectivo, indicando que essa maneira popular de controle de peso com restrição do consumo de carboidratos deve ser recomendada com cautela”, disse ao Medscape o autor principal do estudo, Dr. Xiaodong Zhuang, Ph.D., cardiologista do hospital da Sun Yat-sen University, em Guangzhou, na China. O debate sobre se as dietas com baixo teor de carboidratos – como as dietas cetogênica, paleolítica e Atkins – são úteis ou prejudiciais foi inflamado, em parte, por pesquisas que associaram dietas com alto e baixo teor de carboidratos a aumento da mortalidade por todas as causas. A maioria dos estudos, no entanto, não explica se os carboidratos foram substituídos por alimentos de origem animal ou vegetal, e nenhum analisou especificamente o risco de FA. No presente estudo, no entanto, “dietas com baixo teor de carboidratos foram associadas a um risco aumentado de incidência de FA, independentemente do tipo de proteína ou gordura usada para substituir o carboidrato”, observou Dr. Xiaodong. Os resultados foram publicados no Journal of American College of Cardiology (JACC) antes da apresentação nas Sessões Científicas do ACC 2019.


Sobre o autor

Jornalista, editor de Painel Político, consultoria em comunicação
Notícias relacionadas
Coluna Painel Político

[Coluna] - Antônio Campanari é demitido da TV Rondônia e grupo segue sua reestruturação

Coluna Painel Político

[Coluna] - Assassinato de professora pelo ex choca Rondônia e aquece debate sobre inoperância da polícia nesses casos

Coluna Painel Político

[Coluna] - A coisa está feia, líder do prefeito na Câmara critica gestão de Hildon Chaves

Coluna Painel Político

[Coluna] - Aos poucos mercado imobiliário de alto padrão começa a reagir em Porto Velho

Inscreva-se na nossa Newsletter e
fique informado

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Vale a pena ler...
[Coluna] – A coisa está feia, líder do prefeito na Câmara critica gestão de Hildon Chaves